segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Uma prece


Ser ator é descobrir uma verdade essencial e revelá-la.
O que me provoca angústia é poder, nesse caminho, cair no vazio da vaidade.
É, um dia, pensar ser fundamental a expressividade do ego, em si.
E a ingenuidade do começar perder-se.

Nenhum comentário:

Postar um comentário